terça-feira, 31 de março de 2015

Missão Paulina em Rondônia

Dos dias 14 a 22 de março de 2015, as Irmãs Fabíola Medeiros e Regina Garreto realizaram uma Semana de Missão pelo Cone Sul de Rondônia, abrangendo as cidades de Vilhena, Cerejeiras, Cabixi e Colorado do Oeste.
Ir. Elizabete Corazza assessorando Curo Bíblico
Nos dias 14 e 15 de março, estiveram em Vilhena-RO, ao lado de Ir. Elizabete Corazza, que assessorou mais uma etapa do Curso Bíblico, organizado pela paróquia Nossa Senhora Auxiliadora.
Da esq. para Dir: Ir. Regina, Pe. Manoel, Ir. Rosângela, Ir. Eliane, D. Benedito, Ir. Fabíola e Ir. Neide
No decorrer dos dias as irmãs realizaram exposição do material Paulinas nas escolas de Vilhena e encontros de formação sobre Oratória e Rádio nas cidades de Cabixi, Cerejeiras e Colorado do Oeste.
Ir. Fabíola assessorando Curso de Oratória em Colorado do Oeste-RO
Curso de Oratória


Curso de Rádio com Ir. Regina Garreto
"Tivemos a alegria de partilhar a vida e a vocação com nossas irmãs religiosas, nossos irmãos sacerdotes, Dom Benedito, bispo de Guajará Mirim e a comunidades pelas quais passamos!", afirma Ir. Regina Garreto.

Agradecemos ao Senhor da vida por nos dar mais esta linda oportunidade de semear a vocação paulina na Amazônia.

domingo, 29 de março de 2015

Semana Santa - Domingo de Ramos! O início...

Estamos nos aproximando da grande Semana, Semana em que fazemos memória do Mistério Pascal! Semana para lembramos do grande amor que Deus tem por cada um de nós!
"O grito na cruz… A multidão é versátil. Basta um orientador hábil para manipulá-la em qualquer sentido, o melhor e o pior. Houve o melhor, para Jesus, quando da sua entrada em Jerusalém. Houve o pior, quando a multidão gritou: “Crucifica-O!” Pregado na cruz, Jesus gritará com uma voz forte: “Meu Deus, meu Deus, porque Me abandonaste?” É o início de um salmo, que termina com um cântico de esperança e de louvor. Então, diz-se, Jesus crucificado rezou todo este salmo. O seu grito não foi um grito de desespero. Foi o grito que os evangelistas retiveram e os assistentes (os Judeus, porque os soldados romanos não conheciam os salmos) compreenderam que Jesus chamava o profeta Elias em seu socorro. Eles não fizeram expressamente a ligação com o salmo. Em Jesus, é o Filho eterno do Pai que se fez homem, “em tudo semelhante aos seus irmãos, exceto o pecado”. Ele veio habitar o todo do humano. Era preciso que Jesus fosse até ao fim do caminho real dos homens: até à morte física, mas primeiro até à noite interior, onde não existe mais nada. Onde o silêncio de Deus parece ser a única resposta. Senão, os desesperos dos homens teriam escapado à presença de Deus. Eis porque, hoje, eu posso ir até Jesus com as minhas mais profundas obscuridades: Ele é capaz de vir com a sua presença, para que seja a vida, e não a morte, a vencer definitivamente!"



Fonte: http://www.dehonianos.org/portal/liturgia_dominical_ver.asp?liturgiaid=354

sexta-feira, 20 de março de 2015

Despertar vocacional! Centenário das Irmãs Paulinas!

 

Parábola da ovelha perdida




Através deste lindo vídeo reflita conosco a parábola da ovelha perdida, contada por Jesus nos Evangelhos.

terça-feira, 17 de março de 2015

Via Sacra



quinta-feira, 12 de março de 2015

Programa em Sintonia com Deus


Todas as quartas-feiras as Irmãs Elivânia e Roseane, da comunidade Paulina de Salvador, apresentam o Programa Sintonia com Deus  na Web Rádio Capuchinos. Você pode acompanhar o programa pelo seu computador, smartphone e tablet, basta acessar o link acima! 
Não perca a oportunidade de estar em Sintonia com Deus e com você mesmo!





quarta-feira, 11 de março de 2015

Alberione, o homem que viu o futuro...



As Irmãs Paulinas completam, neste ano de 2015, 100 anos de existência. Por isso, vamos postar aqui no blog um pouco mais sobre a história dos fundadores, para que eles se tornem mais conhecidos e suas vidas continuem a ser modelos de seguimento a Jesus Mestre.  
Ninguém vive ontem ou amanhã, mas hoje, aqui e agora; numa época histórica e num ambiente geográfico que tem características próprias, problemas e exigências para atender. Mas, algumas pessoas são especiais, como Tiago Alberione (1884-1971), sabem viver no seu tempo vislumbrando o futuro, com o olhar de Deus.

Aos 16 anos de idade, Tiago Alberione decidiu “preparar-se para fazer alguma coisa por Deus e pelos homens do século XX”. Sentiu a necessidade de uma renovação pastoral, de colocar a serviço do Evangelho os meios que o progresso humano oferece, de formar novos apóstolos, em sintonia com o progresso das ciências e com as novas invenções tecnológicas.

O Evangelho não muda, mas mudam as linguagens, os meios e o modo de comunicá-lo. Jesus é “o comunicador perfeito”, porque falava plenamente inserido no contexto do seu tempo. A exemplo do Mestre e estimulado por São Paulo, o Padre Tiago Alberione procurou o modo e os meios mais adequados para comunicar a todos a Boa-Nova de Jesus Cristo Caminho, Verdade e Vida. Neste sentido, ele se antecipou a sua época e as decisões que viriam depois com o Concílio Vaticano II em relação ao uso dos meios de comunicação para a evangelização.

Fisicamente, era um homem de saúde frágil. Evitava colocar-se em evidência. Mas, desenvolveu ao máximo o sentido da laboriosidade herdada de sua família, e a coragem excepcional para fundação dos dez institutos que constituem a Família Paulina. Foi líder eficaz, excelente realizador e trabalhador incansável.

A preocupação apostólica, a atividade intensa, a visão universal de Tiago Alberione situam-se no horizonte de sua experiência de fé e da confiança inabalável em Deus Trindade, que conduz a história. A intensa vida de oração, alimentada pela palavra de Deus e pela Eucaristia, era a fonte cristalina de onde brotava sua visão profética da realidade e da história. Sua preocupação apostólica vai muito além do tempo e do lugar onde sua atividade acontecia.

terça-feira, 3 de março de 2015

Venerável Frei André Maria Borello - o discípulo do Divino Mestre


Hoje é um dia de Ação de Graças para a Família Paulina. Há 25 anos o Frei André Maria Borello, religioso Paulino, foi proclamado Venerável pela Igreja. Um apóstolo da comunicação que viveu de forma heróica os conselhos evangélicos. 
Confira um pouco de sua biografia:

Ricardo André Maria Borello nasceu em Mango, Itália, a 8 de março de 1916. No dia 8 de Julho de 1936, com 20 anos, ingressou nos Padres e Irmãos Paulinos.
Consagrou-se como Discípulo do Divino Mestre (irmão), seguindo o exemplo de São José tanto no trabalho quanto na oração. Seu trabalho no auxílio aos padres, no apostolado da comunicação social, era oferecido para a própria santificação e redenção da humanidade. Sempre humilde, disponível e amante da vocação e missão dos Paulinos, ofereceu a própria vida pelo desenvolvimento da congregação. Oferecimento que foi acolhido pelo Senhor em 4 de setembro de 1948, quando partiu para a casa do Pai. Aos irmãos de congregação deixou esta mensagem: “Amemo-nos uns aos outros, adeus e até o céu”.
O Papa João Paulo II, em 3 de março de 1990, reconhecendo sua heroicidade, assinou o decreto proclamando-o venerável."
(Fonte: www.paulinos.org.br)

ORAÇÃO PARA PEDIR GRAÇAS AO VENERÁVEL ANDRÉ BORELLO


Trindade Santíssima,
Pai, Filho e Espírito Santo,
eu vos dou graças, com toda a Igreja, 
em Cristo Mestre, Caminho, Verdade e Vida, 
pela santidade, luz e graça
que concedeste a vosso servo fiel André Borello
que, a exemplo do apóstolo Paulo,
trabalhou para que o Evangelho fosse pregado com a comunicação social.
Concedei-me a graça de seguir seus exemplos
e de imitar seu espírito.
Concedei-me também, 
pela sua intercessão,
a graça que agora vos peço...

Glória ao Pai...
_________________________________________________-
Quem alcançar graças ou favores por intercessão do servo de Deus André Borello, por favor, comunique por escrito ao:

Superior Provincial
Rua: Francisco Cruz - 199
Vila Mariana
São Paulo - SP
04117-091

segunda-feira, 2 de março de 2015

Pensamento para Quaresma