domingo, 31 de julho de 2011

Formação de educadores

Parada Pedagógica
Na manhã do dia 29 de julho tivemos a alegria de receber na Casa de Oração das Irmãs Paulinas, Avenida Raposo Tavares, São Paulo-SP, um grupo de 33 professores da paróquia São Francisco localizada no Jd. Alvorada – SP que orientados pelo Pe. Josias Freitas dedicaram uma manhã inteira para refletir sobre a mulher Pós-moderna, com o objetivo de aprofundar seus conhecimentos e espiritualidade para melhor atender as muitas crianças a quem dão assistência nas creches de sua  comunidade com uma formação baseada nos valores cristãos.  O encontro foi encerrado com uma bonita celebração eucarística, presidida pelo Pe. Josias Freitas.
Que Jesus Mestre, Caminho, verdade e Vida abeçoe este lindo trabalho com as crianças.

sábado, 30 de julho de 2011

sexta-feira, 29 de julho de 2011



"Eu sou a ressurreição e a vida."

Quem crê em mim ainda que morra viverá. (Jo 11,25)
Iniciava mais um dia em que a vida em Deus seria plenificada. Foi assim que a Irmã Elsa Corrarello contemplou face a face o Senhor Ressuscitado na manhã do dia 27 de julho. Partiu deixando saudades e todo o bem realizado na vida e missão paulina.
As palavras da Irmã Ninfa Becker, Superiora Provincial, expressaram o testemunho de fé e vida da nossa irmã.
Querida Ir. Elsa, você se caracterizou pela gentileza, fineza no trato, bondade de coração, grande  generosidade, sempre pronta para ajudar quem de você precisasse, especialmente por um grande amor a Nossa Senhora. Sempre participante da vida comunitária, eximia corretora de estilo, etc.  
Obrigada Elsa,  por ter caminhado conosco  durante todos estes anos, fazendo parte da nossa comunidade, abraçando conosco a missão de comunicar Cristo  a todos através dos meios de comunicação;  Obrigada pelo bem que você realizou e deixou”.
Unidas aos familiares, irmãs e todo o povo a quem ela ajudou comtemplemos o mistério da ressurreição pedindo sua interseção lá do céu por nós!

“Diante de qualquer dificuldade, olhar sempre para o alto, para o horizonte, para o céu” (Guardare lassù). Irmã Pedrina
Era o fim da tarde e neste mesmo dia 27 de Julho para nossa surpresa Deus veio buscar mais uma de nossas queridas irmãs. Um anjo que transparecia o rosto de Deus. Missionária nos Estados Unidos e na Venezuela se dedicou a comunicar o Evangelho a todos sempre transbordante de amor, alegria e generosidade. Assim a Irmã Pedrina Pires deu seu último suspiro e voou para os braços do Pai.
A Irmã Ninfa Becker (Superiora Provincial) partilhou com muita profundidade a essência da vida desta querida irmã.
Pedrina, uma mulher consagrada paulina feliz e plenamente realizada! A mulher do amor, tudo para ela se resumia no amor! Pedrina encontrou a pérola preciosa (Mt 13,44-46): o amor, a bondade, a simplicidade, o essencia!  Ela estava ansiosa para encontrar-se com o seu Deus, com seu grande Amor, tanto assim que ela pedia diariamente a Deus para que  a levasse repentinamente e assim foi. Estava na espera do seu Senhor como o vigia espera pela aurora! Foi uma  mulher enamorada do amor de  Cristo, sensível, missionária, mística, amante do povo, da vida paulina, vibrante de amor por todos. Ela gostava de expressar e de partilhar a sua vida. Era límpida,transparente como a água  cristalina.
Irmã Ninfa relembra suas palavras com muito carinho: Uma só coisa desejo: Amar! Que nunca me falte o amor. O preço do amor é a cruz: aceito! "Já não sou eu que vivo é Cristo que vive em mim! "O meu desejo é chegar à plenitude do Amor. Só o amor triunfa, é eterno. É amando que me preparo ao Reino do amor”.
Obrigada querida Ir.  Pedrina,  pela  sua vida santa, por nos comunicar tanto amor nos gestos, nas palavras, no sorriso…  por nos dar o exemplo de como se pode crescer na santidade cada dia, por desejar que vivamos comunidades de amor onde todas nos amemos umas as outras. Obrigada  pelo teu legado de amor, de bondade e de fé.
Peçamos a irmã Pedrina que do céu interceda por todas nós paulinas, seus familiares e o povo do Brasil e dos países aonde ela foi missionária a quem tanto ajudou.

quinta-feira, 28 de julho de 2011

MENSAGEM DO PAPA BENTO XVI PARA JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE 2011

MENSAGEM DO PAPA BENTO XVI
PARA A XXVI JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE

2011  

 «Enraizados e edificados n’Ele... firmes na fé» (cf. Cl 2, 7).

Queridos amigos!

Penso com frequência na Jornada Mundial da Juventude de Sidney de 2008. Lá vivemos uma grande festa da fé, durante a qual o Espírito de Deus agiu com força, criando uma comunhão intensa entre os participantes, que vieram de todas as partes do mundo. Aquele encontro, assim como os precedentes, deu frutos abundantes na vida de numerosos jovens e de toda a Igreja. Agora, o nosso olhar dirige-se para a próxima Jornada Mundial da Juventude, que terá lugar em Madrid em Agosto de 2011. Já em 1989, poucos meses antes da histórica derrocada do Muro de Berlim, a peregrinação dos jovens fez etapa na Espanha, em Santiago de Compostela. Agora, num momento em que a Europa tem grande necessidade de reencontrar as suas raízes cristãs, marcamos encontro em Madrid, com o tema: «Enraizados e edificados em Cristo... firmes na fé» (cf. Cl 2, 7). Por conseguinte, convido-vos para este encontro tão importante para a Igreja na Europa e para a Igreja universal. E gostaria que todos os jovens, quer os que compartilham a nossa fé em Jesus Cristo, quer todos os que hesitam, que estão na dúvida ou não crêem n’Ele, possam viver esta experiência, que pode ser decisiva para a vida: a experiência do Senhor Jesus ressuscitado e vivo e do seu amor por todos nós.


Juntamente com toda a Igreja, especialmente com a juventude, nós, Irmãs Paulinas, estamos vivendo um momento de grande expectativa com o encontro que reunirá jovens do mundo inteiro, a Jornada Mundial da Juventude. Já algum tempo que estamos acompanhando com orações os preparativos para esse grande evento e em comunhão com o Papa Bento XVI, desejamos que todos os participantes façam uma profunda experiência com o Cristo ressuscitado e renovem a alegria de ser filho amado por Deus.



Fonte: site do vatino

terça-feira, 26 de julho de 2011

A gratuidade do amor

Carinho, cuidado e proteção são características daqueles que com sua experiência nos ensinam a viver. Os nossos avós são homenageados neste dia 26 de julho, dia dedicado pela Igreja aos avós de Jesus. São Joaquim que era da família do rei Davi e Santa'Ana que pertencia a família do sacerdote Aarão. A devoção aos pais de Maria no oriente é muito antiga.

Quem melhor para falar dos avós do que os netos, neste caso a neta. A noviça paulina Daiane Aparecida homenageia sua avó dona Maria da Conceição com um lindo testemunho.

Ela só sabe amar, fazer o bem sem olhar a quem. Não vou dizer que já não a vi triste. Muito sofrimento esses anos a fizeram passar, mas sempre com muita coragem. Ela teve como escola a família de Nazaré (Jesus, Maria e José) que lhe ensinou como é bonito ter fé. É difícil encontrar neste mundo, alguém que tanto lutou, tanto sofreu... Minha Vó é testemunho vivo da presença real de Jesus em nossa família e para todos que a conhecem. Sua fé é simples, convicta e a faz vencer as dificuldades, a se alegrar com pequenas coisas do cotidiano da vida.
Com minha Vó aprendi como é bonito ter fé, a amar Jesus., a Igreja e a querer bem as pessoas.
Obrigada vó pelo testemunho que nos aquece e anima.

Rezemos a Jesus Mestre, Caminho, Verdade e Vida por todos os avós e também pelos netos que podem conviver e partilhar do grande amor que eles nos dão.

segunda-feira, 25 de julho de 2011

domingo, 24 de julho de 2011


Dia de Oração pelas Vocações

"O Senhor criou o homem dotado de liberdade. A vocação é um ato do amor de Deus, e por isso provoca um ato voluntário de amor para ser seguida, correspondida. É preciso fazer como Jesus Cristo, que diz ao Pai: "Eis-me aqui, ó Deus, venho para cumprir a tua vontade"".
(Pe. Tiago Alberione)

A comunidade das Irmãs e noviças da cidade Regina, em São Paulo, dedica o dia inteiro, na quinta-feira, para adorar Jesus eucarístico na intenção das jovens vocacionadas paulinas de todo o Brasil. Desde a manhã até o final da tarde o Santíssimo fica exposto na capela e os nomes das vocacionadas no altar.

Nosso desejo é pedir luz para que elas tenham coragem de responder ao chamado do Mestre e seguí-Lo mais de perto na vida consagrada paulina.
Como diz nosso fundador, Bem-aventurado Tiago Alberione: Se verdadeiramente amarmos o próximo como a nós mesmos, desejaremos para muitos outros o grande bem que possuímos: a vocação.

"Jesus, pastor eterno, enviai bons operários para a vossa messe!"

sábado, 23 de julho de 2011

Um Testemunho de Fé

"Sentir-me-ia culpada diante da verdade, se não desse este testemunho: 'todo o bem vem de Deus e a Ele deve voltar'. 
(Irmã Stefanina Cillario)


Hoje, 23/07, faz cinco anos do falecimento da Irmã Stefanina Cillario que deixou a Itália em dezembro de 1931, com apenas 19 anos, para juntar-se a Irmã Dolores Baldi e iniciar a missão paulina aqui no Brasil. Com grande capacidade de adaptação e inculturação, aprendeu os costumes, a língua e o amor ao nosso povo. Ela sempre acompanhou com carinho, vibração e oração cada nova iniciativa para comunicar o Evangelho na cultura da comunicação. Dela guardamos carinhosamente a visão ampla das necessidades do povo, o amor pelas vocações, o ardor missionário, a coragem e o profundo espírito de oração. Sem dúvida foi uma mulher realmente contemplativa.

Somos gratas pela doação e dedicação ao povo e por incultir em nós o grande amor pela vida e missão paulina. Que do céu ela interceda por cada Filha de São Paulo na missão de anunciar o Evangelho!

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Mensagem aos Jovens

Um estudo sobre ‘o jovem JMJ’

Madrid, 11 de Julho de 2011 – Como é ‘o jovem JMJ’? Esta é a pergunta que o GAD (Gabinete de Análisis Demoscópico) tentou responder, realizando uma pesquisa de opinião entre 1.800 jovens dos cinco continentes que têm seguido as informações da Jornada Mundial.

A grande maioria dos entrevistados têm menos de 30 anos e 9 em cada 10 consideram que a JMJ “É uma experiência que muda a vida”. Neste sentido, um em cada quatro jovens entrevistados já participou anteriormente nalguma Jornada. Destes, mais de metade viajaram com o Papa a Colónia (61%) e a Sidney (44%%) e quase a totalidade dos jovens que assistiram às JMJ de 2005 e 2008 (98%) avaliaram positivamente a sua experiência (80% muito positivamente e 18% positivamente).
9 em cada 10 jovens entrevistados têm como principal motivo para assistir à JMJ: ter uma nova experiência (93%), difundir a mensagem de Jesus Cristo (92%), expressar o seu compromisso com a Igreja (90%) e satisfazer as suas inquietudes espirituais. Também vão à JMJ para conhecer outras pessoas (87%) e para estar com pessoas que pensam como eles (88%).

A fé como elemento fundamental para a vida

Assim, os jovens JMJ pensam que a fé em Cristo é muito positiva para perdoar os outros (85%), ser solidário e ajudar os mais necessitados (80%) e para crescer e ser melhor pessoa (79%). Também para aceitar o sofrimento e ser feliz (75%) e ter ideias claras (67%).



Rezemos por esse encontro que irá reunir milhares de jovens de todos os continentes, para que seja
um momento de renovar a fé e o compromiso com a Igreja e com a sociedade.
Nós, Irmãs Paulinas do Brasil, estaremos presentes representadas pelas jovens irmãs: Cátia Cappellari e Verônica Firmino. Jesus Mestre, Caminho, Verdade e Vida seja o ponto de união de toda a juventude com o Papa.

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Revitalização das Irmãs Paulinas

De 17 a 22 de julho, acontece na Casa de Oração, Cidade Regina, São Paulo - SP, o último curso, deste ano, da Revitalização das Irmãs Paulinas. Participam 48 irmãs de várias comunidades do Brasil, dentre elas, todas as irmãs junioristas. Os temas abordados são nas dimensões bíblico-teológica, humanas, comunicacional e espiritualidade.


Rezemos por nossas irmãs que se atualizam a fim de melhor comunicar o Evangelho em todas as partes do nosso Brasil!

quarta-feira, 20 de julho de 2011

O amigo

Um soldado dirigiu-se a seu tenente e lhe pediu:
- Senhor, meu amigo não voltou do campo de batalha. Solicito permissão para ir buscá-lo.
- Permissão negada - replicou o oficial. - Não quero que arrisque sua vida por alguém que provavelmente está morto.
No entanto, ignorando a proibição, o soldado foi em busca do amigo. Uma hora mais tarde, ele regressou mortalmente ferido, transportando o corpo do companheiro.
Ao ver a cena, o oficial ficou furioso:
- Eu já lhe havia dito que ele estava morto! Agora perdi dois homens! Diga-me se valeu a pena arriscar a própria vida para trazer um cadáver?
Após recobrar as forças, o soldado respondeu:

- Claro que sim, senhor! Quando o encontrei, ele ainda esta vivo e pôde me dizer: - "Tinha certeza que você viria".

Do livro: Histórias da sabedoria do povo - Carmem Seib, Paulinas Editora, 2006

terça-feira, 19 de julho de 2011

Irmãs Junioristas fazem encontro

O encontro nacional das Irmãs junioristas Paulinas finalizou no último dia 15 de julho, na Casa de Retiro da Cidade Regina em São Paulo-SP.  Estavam presente 20 irmãs junioras, a provincial: Ir. Ninfa Becker, a vice-provincial: Ir. Clarice Josefa Wisniewski e a formadora das junioristas: Ir. Shirley Reis. A Ir. Élide Pulita, fsp  assessorou este encontro, sob o tema: “Vida de Oração”, dentro da Espiritualidade Paulina.

Foram dias riquíssimos para mergulhar na fonte do carisma e refletir também a partir da Exortação Apostólica pós-sinodal Vebum Domini”. E perceber da  comunhão do carisma das Filhas de São Paulo com a Igreja diante da Palavra de Deus. Após momentos de partilha, diálogo com a Irmã responsável pela Província do Brasil, Ir. Ninfa Becker, todas puderam colocar-se juntas diante de Jesus Mestre com a Hora de Adoração. 


E agradecer a Ir. Élide que generosamente aceitou o convite para partilhar a vocação paulina, conduzindo às origem e aos alicerces de Vida Religiosa Paulina: a Palavra e Eucaristia.

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Leitura Orante com os jovens

Aconteceu na Casa de Oração, em São Paulo - SP, neste domingo 17 de julho, mais um encontro da Leitura Orante da Palavra com os jovens. Participaram oito jovens e as noviças Aucilene, Flávia e Karina. O Evangelho meditado foi o da liturgia do dia, Mt 13, 23-42, no qual Jesus conta três parábolas, do joio e do trigo, da semente de mostarda e do fermento na massa, para explicar o que é o Reino de Deus.

Os jovens meditaram, à luz de suas experiências de vida, como acontece esse Reino de Deus hoje. É ainda como Jesus disse, sem muito estardalhaço e barulho, mas com a força de transformação a partir do pequeno, a partir do testemunho autêntico de cada um.



Messias, um dos jovens, partilhou matematicamente o que significa para ele esses encontros com a Palavra, escreveu no quadro a seguinte fórmula:
4 horas - 30 dias - 720 horas = 0,55% 

Quer dizer o seguinte: ele participa da leitura orante 1 vez ao mês, são quatro horas. Então, se o mês tem 30 dias são 720 horas, logo esse encontro da Leitura Orante da Palavra ocupa 0,55% do seu tempo no mês. Algo que parece pequeno e insignificante, mas que transforma suas atitudes, seus pensamentos e sentimentos no cotidiano, assim ele explicava.


Essa é a força transformadora que a Palavra proporciona a todos que se dispõe a encontrar-se com ela e torná-la vida em suas vidas, fazendo o Reino de Deus acontecer.

Você, jovem, que mora em São Paulo - SP, é convidado a participar conosco também. O próximo encontro será no dia 18 de setembro.

Entre em contato conosco para confirmar sua presença. 
Fone: (11) 3789-1426 ou 3789-1429
Endereço: Rod. Raposo Tavares, Km 19,145 - Jd. Monte Alegre - São Paulo - SP

domingo, 17 de julho de 2011

A comunicação a serviço da vida

Neste sábado, 16 de julho, alunos do SEPAC (Serviço à Pastoral da Comunicação) concluíram mais uma etapa do Curso de Pós-graduação Cultura e meios de comunicação -uma abordagem teórico-prática, no módulo Políticas de Comunicação. Esse curso é uma parceria do Sepac com a PUC-COGEAE.
O curso, que teve início no dia 04 de julho, contou com a participação de 58 alunos de vários estados do Brasil, religiosos, religiosas, padres e leigos. As formandas Paulinas, postulantes: Gisele Barbosa, Josiane Moreira, Marly Diamantino, Regina Garreto e Suzane Apolinário e as noviças: Aucilene Moura e Gizely Pinheiro também participaram.

Durante as duas semanas intensivas do curso, na parte da manhã aconteciam as aulas teóricas e a tarde os alunos se dividiam nos laboratórios: internet, rádio, jornal e vídeo.
Na conclusão do módulo houve a Celebração Eucarístia e, em seguida, os alunos apresentaram os trabalhos produzidos nos laboratórios. 

Alunos do laboratório de internet
Agradecemos a Deus, perfeito comunicador, por todos os alunos e professores desse curso que aprofundam o sentido verdadeiro da comunicação para colocá-la a serviço da vida.

Rezemos:

Jesus, perfeito comunicador
(Joana T. Puntel)


Jesus Mestre,
perfeito comunicador do Pai,
Tu és, na verdade,
a comunicação verdadeira.

Comunicando o Pai,
te tornaste comunicação,
no mistério da encarnação.

Vieste a nós para ser um de nós, humanos.
Vieste a nós para restabelecer
nossa dignidade de filhos de Deus.

Vieste a nós para dizer-nos que és a VERDADE.
Vieste a nós para mostrar-nos que és o CAMINHO.

Vieste a nós para re-criar-nos
para a verdadeira VIDA,
Que és Tu mesmo.

Como perfeito comunicador
e verdadeira comunicação,
tiveste em conta os elementos
essenciais da comunicação:
o diálogo,
a linguagem própria da comunicação,
o amor.

Enquanto te agradecemos
pelos profundos
gestos de comunicação,
te pedimos pelo nosso
mundo da comunicação,
tão complexo e tão desafiador.

Que o respeito, o diálogo,
a verdade e o amor
sejam vias concretas
para construir a comunicação humana,
que forma a comunidade
cósmica fraternal.

sábado, 16 de julho de 2011

Morre o maior especialista do país em canto coral sacro

Faleceu por volta das 10h de segunda-feira, 11, no Hospital da Caridade de Florianópolis (SC), o integrante da Comissão de Música e Canto Litúrgico da arquidiocese de Florianópolis (SC) e considerado o maior especialista do país em canto coral sacro, o maestro José Acácio Santana.

O músico estava internado há 78 dias. Como cancer, não suportou o tratamento e veio a falecer pelo agravamento da doença, sobretudo nos pulmões.
O assessor do Setor Música Litírgica da CNBB, padre José Carlos Sala, lamentou a morte de José Acácio, ao mesmo tempo em que reconheceu o trabalho prestado por ele para a música litúrgica no Brasil.
“Estou profundamente triste com a notícia. É uma grande perda para a música litúrgica do Brasil. Inúmeras são as canções cantadas nas comunidades de todo o Brasil de autoria de José Acácio Santana. A CNBB reconhece e agradece a sua grande contribuição para a música litúrgica em nosso país”, disse o assessor.
“José Acácio Santana, com elevada sensibilidade e imaginação, exprimiu a beleza de Deus através da música e suas obras são alegria e esperança para o mundo! Que o Deus de bondade o acolha com cantos na festa do céu que nunca se acaba!”, completou o assessor de música litúrgica da CNBB.
Entre as obras litúrgicas de José Acácio, destacam-se “Alguém está nascendo – Advento e Natal”, “Aliança compromisso de amor – Coral Acorde Coração”, e “Cantos do Coração”, todos gravados pela Paulinas/Comep.

Biografia

José Acácio Santana, maestro, compositor, poeta e professor brasileiro. Dedicou sua vida a serviço do som e da palavra, ministério que deu início aos sete anos de idade. Mais de três mil obras constituem o saldo da vida artística deste músico e poeta de intensa e extensa capacidade produtiva.Consagrado internacionalmente, não fugia ao compromisso de servir, com sua arte, aos pequenos grupos artísticos e às comunidades. Pioneiro no Brasil nas composições litúrgicas pós Concílio Vaticano II, possuía a invejável unidade musical e literária em suas composições, onde convivem harmoniosamente o poeta e o músico, de maneira plena.
É nesta unidade, alimentada por uma profunda fé, que se encontra o segredo do sucesso e da aceitação incondicional de suas obras. Conhecido como o Missionário da Música, Acácio transformava seus talentos em frutos acessíveis a todos. Ele alcançou renome internacional, pela extensão e variedade da sua obra musical e poética, que abrange desde a canção infantil até a ópera e os oratórios eruditos.
Sua atuação na área cultural mereceu-lhe grandes homenagens, entre elas "Medalha do Mérito Coral Brasileiro", "Mérito Cultural da Universidade Federal de Santa Catarina", "Medalha do Mérito Anita Garibaldi", "Batuta de Ouro", "Cidadão Honorário" de mais de 30 municípios brasileiros. Atendeu a mais de 1500 corais brasileiros e vários de outros países. Só em Santa Catarina mais de 1000 grupos se beneficiam do seu trabalho. Grande parte de sua obra está gravada por Paulinas Comep, com quem gravou 12 CDs.
Especialista em Canto Coral Sacro, José Acácio Santana era graduado em regência e composição em Colônia, na Alemanha. Desde 1962 Acácio trabalhou no incentivo do canto coletivo, e acessível ao público. Contava com seis cursos superiores em música, 900 obras ensaiadas, 10 discos produzidos, criação de mais de 200 corais, 3.000 concertos.

Fonte: CNBB

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Desejos do Bem-aventurado Tiago Alberione

Jesus Divino Mestre seja para ti:

a verdade que ilumina,

o caminho da santidade,

a vida plena e eterna.


Que ele te guarde e defenda.

Plenifique de todos os bens

a ti e a todos que amas.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Amém.
















quinta-feira, 14 de julho de 2011

O que é vocação?

A jovem Sabrina visitou o estande vocacional das Irmãs Paulinas e respondeu a pergunta: "O que é vocação?"


quarta-feira, 13 de julho de 2011


Alberione ficou cativado pela grandeza e pelo heroísmo de Paulo. Viu nele a figura do grande místico e do homem dinâmico e criativo que precisava. Por isso Alberione escolheu-o como pai, mestre, modelo e protetor da Família Paulina. 

"Se São Paulo vivesse hoje - escreve o fundador - continuaria a inflamar-se num fogo de dupla chama: o amor por Deus e pelas pessoas de todas as nações. E para comunicar-se com um maior número possível de pessoas, seria um apóstolo jornalista e multiplicaria a palavra de Deus com os meios de comunicação social."

Paulo é um grande conhecedor da realidade em que se encontra. Inculturou a Palavra de Deus no mundo urbano e nas mais diversas culturas por onde passou. Anunciou o Evangelho com grande liberdade de espírito, não permitindo que as leis, que já não mais geravam vida, o dominassem. 

Alberione ficou empolgado com o apóstolo Paulo porque nele encontrou a experiência de alguém que soube viver a mais perfeita síntese e integração entre o humano e o espiritual, entre a ação e a contemplação mística. 

O testemunho de sua existência e a força transformadora de sua pregação custaram-lhe a vida. Paulo sofreu perseguições de toda espécie: foi preso, torturado, condenado à morte. Morreu mártir, em Roma, entre os anos 64-67 da era cristã. 
Ele deixou escritas algumas das mais belas páginas da experiência que um apóstolo de Jesus Cristo faz: 

"Se Deus está a nosso favor, quem estará contra nós? Ele não poupou o seu próprio Filho, mas o entregou por todos nós. Como não nos dará todas as coisas junto com seu Filho?
Quem nos poderá separar do amor de Cristo? Nem a tribulação e a angústia, nem a perseguição e a nudez, nem a fome e o perigo, nem qualquer outra criatura; nada nos poderá separar do amor de Deus, manifestado em Jesus Cristo, nosso Senhor." (cf. Rm 8,31,39)

terça-feira, 12 de julho de 2011

O que é vocação?

As Irmãs Paulinas marcaram presença em mais uma ExpoCatólica. Grande evento católico que acontece em São Paulo desde 2003. Além de ser uma feira religiosa, pois reúne editoras, fabricantes de artigos religiosos, empresas de turismo religioso, congregações religiosas, a ExpoCatólica é um evento onde os católicos se encontram, onde a Igreja se mostra viva, como diz o tema deste ano: "Sua Igreja Viva".
Nós, além do estande da Editora Paulinas, estivemos na ExpoCatólica com o estande vocãcional, um espaço descolado para os jovens conhecerem nosso carisma Paulino e ainda, por meio de um vídeo, expressar o que eles entendem por: "Vocação".
Vamos colocar aqui, para você, alguns desses vídeos. Confira hoje, o que a jovem Beatriz nos disse: 




"A vocação é um chamado a uma glória maior. Estas pessoas devem na terra exercitar-se sempre mais no serviço a Deus para realizar os deveres de todos os cristãos, mas de modo perfeito."
(Pe. Tiago Alberione)

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Encontro de Animadoras Vocacionais e Formadoras

Entre os dias 04 de 10 de juhlo de 2010, todas as animadoras vocacionais e formadoras das Irmãs Paulinas reuniram-se na Casa de Oração, em São Paulo - SP, para refletir, partilhar e, juntas, iluminadas pelo Espírito Santo, buscarem novos caminhos para a Pastoral Vocacional. Nos três primeiros dias do encontro, as irmãs participaram de um curso oferecido pelos Padres e Irmãos Paulinos para todas as congregações da  Família Paulina, sobre o livro do nosso fundador, o Bem-aventurado Pe. Tiago Alberione, "Apontamentos de Teologia Pastoral". O curso foi conduzido pelo Pe. Antonio Francisco da Silva. Foi uma oportunidade única de mergulhar no pensamento do fundador e descobrir luzes para a nossa pastoral hoje. 

No final do dia 07, a Ir. Ninfa Becker, superiora provincial, introduziu o encontro na Cidade Regina, também recordando palavras do Bem-aventurado Tiago Alberione, dizia que a nossa comunidade Paulina é "a vocacionista" em si mesma, e depois, temos a irmã representante. Convidou também, as irmãs a darem o testemunho alegre da vida Paulina, a terem uma vida profunda de intimidade com Jesus Mestre, a viverem a sua vocação intensamente, assim atrairão mais jovens a fazer a mesma experiência que elas fazem, assim como vivia o nosso fundador. 

Durante os dias do encontro aconteceram oficinas sobre os diversos trabalhos na Pastoral Vocacional. Cada irmã vocacionista partilhou sua experiência e a forma que exerce a missão junto ao povo e, especialmente aos jovens, de forma criativa e dinâmica. 


Foram dias intensos, iluminados pelo Espírito Santo, onde nasceram novos projetos, ideias e certamente renovou no coração de cada irmã o desejo de viver com profundidade o dom de ser chamada a vocação Paulina para também chamar outras jovens para fazer essa experiência com Jesus Mestre, Caminho, Verdade e Vida.