domingo, 28 de fevereiro de 2016

Refletindo a Palavra

Ano C – 28 de fevereiro de 2016 - 3º Domingo da Quaresma
Ex 3,1-8a.13-15 ─ “Eu sou aquele que sou.”
Sl 102 (103) ─ O Senhor é rico em bondade.
1Cor 10,1-6.10-12 ─ A rocha era Cristo.
Lc 13,1-9 ─ “Deixa a figueira ainda este ano.”

“Eu sou aquele que sou” (Ex 3,14)

Reflexão: Cônego Celso Pedro da Silva
Arte: Sergio Riccuto Conte


Domingo da conversão. Havia uma torre em Jerusalém chamada torre de Siloé, junto às águas de uma fonte. Ela desabou e morreram dezoito pessoas que estavam rezando em torno da água. Outra tragédia foi a matança dos galileus. Vieram em peregrinação ao Templo, mas eram revoltosos. Aproveitaram-se do momento para criar agitação. Pilatos foi rápido e mandou seus soldados matarem todos eles. O assunto corria por Jerusalém. “Deviam ser pecadores, tanto uns como outros. Receberam o castigo que mereciam”, diziam os comentários.
As notícias chegaram até os discípulos, e Jesus lhes perguntou:
“Vocês estão pensando que eles foram castigados por Deus por serem pecadores?” Pecadores somos todos e eles não eram mais pecadores dos que os outros. Então, por que isso aconteceu? Olhem com atenção e vejam bem o que aconteceu. Vai acontecer com vocês também. Se não se converterem, todos perecerão do mesmo modo. Como pereceram? Estes pereceram soterrados pelas pedras que desabaram sobre eles. Se não houver uma séria mudança, isso vai continuar. Quem precisa mudar, o que precisa ser mudado?
Os responsáveis pela segurança da torre, sem dúvida, os construtores, mais ainda. Se não forem sérios em suas responsabilidades, muita gente continuará morrendo do mesmo modo. Mas os galileus eram revoltosos, Pilatos estava certo em se livrar deles. Pode ser, e muita gente continuará morrendo da mesma forma enquanto existirem Pilatos como Pôncio Pilatos. Convertam-se engenheiros de obras, fiscais e governantes. A lembrança desses fatos ensina que Deus concede tempo para uma verdadeira penitência. Quem deve se converter? Todos devem se converter. Os solidários das vítimas convertem-se saindo da inércia e tomando posição para que se convertam os que constroem mal as torres e os governantes donos do poder. Convertam-se também os destinatários da Campanha da Fraternidade. E convertamo-nos todos neste tempo sagrado da Quaresma.
Não tendo sido encontrado nenhum fruto na figueira, foi-lhe dado o tempo de mais um ano, não deixada à sua sorte, mas com bons cuidados. Se ainda não estou produzindo bons frutos, que Deus me conceda tempo de verdadeira conversão e a ajuda de bons amigos e bons pastores. Um bom amigo é o apóstolo São Paulo, que, escrevendo aos coríntios, lhes diz: “Quem julga estar de pé cuide para não cair. Não murmurem, não desejem coisas más”. Verifique se realmente está de pé e saiba que pode cair a qualquer momento. Cuide dos desejos do coração e das palavras murmuradas pelos lábios.
No caminho quaresmal para a Páscoa, agradecemos a Deus pela libertação da escravidão no Egito, pela participação na promessa da terra feita por Deus em aliança com Abrão, pela dedicação de Moisés a quem Deus revelou o seu nome e enviou para libertar o povo da escravidão. Deus nos deu um mediador, Moisés, para nos libertar de todo tipo de escravidão e nos guiar até a Terra Prometida. Às portas da Terra, Moisés disse ao povo que Deus faria surgir o profeta semelhante a ele que fará a passagem – Páscoa – não do Egito para Israel, mas deste mundo para o Pai. A Campanha da Fraternidade combate o poder da morte estimulando o cuidado com a água dentro de um programa de saneamento básico. Cuide da água, defenda-a e denuncie quando vê a irmã água maltratada.


Leituras e Salmos (29 de fevereiro a 5 de março)
2ªf.: Rs 5,1-15a; Sl 41 (42); Lc 4,24-30.
3ªf.: Dn 3,25.34-43; Sl 24 (25); Mt 18,21-35.
4ªf.: Dt 4,1.5-9; Sl 147 (147B); Mt 5,17-19.
5ªf.: Jr 7,23-28; Sl 94 (95); Lc 11,14-23.
6ªf.: Os 14,2-10; Sl 80 (81); Mc 12,28b-34.
Sáb.: Os 6,1-6; Sl 50 (51); Lc 18,9-14.


Fonte: Edição 961,janeiro de 2016
Postado por: Família Cristã

0 Comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário abaixo e não esqueça de colocar seu nome. Obrigada!