domingo, 26 de junho de 2011



Alberione descobriu em Paulo algo ainda mais profundo: o seu modo de viver e comunicar Jesus Cristo Mestre, Caminho, Verdade e Vida.
Antes de tudo, Paulo deixou-se converter e conquistar por Jesus Cristo. De perseguidor de Cristo e dos cristãos, tornou-se o discípulo e o apóstolo mais ardente.
Enamorou-se de tal forma de Jesus Cristo que por ele viveu, trabalhou, pregou e sofreu até poder dizer: "Eu vivo, mas já não sou eu que vivo, pois é Cristo que vive em mim. E esta vida que eu agora vivo, eu a vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e se entregou por mim" (Gl 2,20).
Através da fé ativa e da oração contínua, Paulo vive em contato permanente com a força da ressurreição que o invade. Jesus ressuscitado é a fonte da sua contagiante alegria: "Fiquem alegres! Que a bondade de vocês seja notada por todos. Apresentem a Deus todas as necessidades de vocês, através de orações e súplicas, em ação de graças." Paul foi um homem fiel em meio aos conflitos e tribulações, porque se sentiu perdoado e extremamente amado por Deus. Nada o separava do amor de Cristo.

São Paulo Apóstolo, rogai por nós!

0 Comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário abaixo e não esqueça de colocar seu nome. Obrigada!