domingo, 14 de outubro de 2012

Missão na África

Confira a entrevista que fizemos com a Ir. Edimá Enedina, que se prepara para realizar a Missão Paulina em Angola-África. Acompanhemos a mesma com nossa oração.
_________________________________
1. Irmã Edimá, como sabemos, você está se preparando para ir à Angola, ou seja, realizar a Missão Paulina fora do país. Como você se sente neste momento de preparação?
 
Ir. Edimá, fsp
 Sinto-me muito feliz! É um momento de renovação do Sim que um dia eu disse ao Senhor e que agora pede mais entrega e disponibilidade. Alegro-me porque através desse chamado para a vocação missionária, sinto que Deus que confirma o seu amor por mim  e pelas pessoas do continente africano. Sinto-me mais Filha de São Paulo, o apóstolo da universalidade e modelo de missionário. Nós Irmãs Paulinas somos missionárias da Palavra.




 

2. Para você, que significa "Ser Missionária"?
Ser missionária significa alargar o coração para Deus e para os irmãos e irmãs de todas as partes do mundo. É viver conscientemente o processo de relativizar tudo: nacionalidade, cultura, idioma, pessoas, por considerar apenas Deus como Absoluto e por amor a Ele, entregar-se e integrar-se em novas realidades.

 
3. Tem algum texto bíblico que está sendo significativo para você neste tempo?
Sim. O texto sagrado que ilumina este momento da minha vida é aquele em que o apóstolo Paulo escreveu à comunidade de Corinto: “Carregamos esse tesouro em vasos de barro”. O "tesouro" é a vocação missionária, dom de Deus. O vaso de barro sou eu, frágil e limitada.  O barro necessita de cuidado e atenção. Isso se torna exigência e luz para a vivência do processo de deixar, partir e inculturar-se.
Google

  4. Deixe uma mensagem para os internautas do blog que neste momento veem sua entrevista?
Convido você, a iniciar neste mês dedicado às missões, uma vivência de comunhão profunda com todas as pessoas, de todos os continentes, culturas, raças e religiões. Muitas pessoas ainda não conhecem a pessoa de Jesus, o seu Evangelho, a Boa Notícia de vida e dignidade. Reze pelos missionários e missionárias que estão no Brasil e em outras nações. E se um dia o convite para ser missionária/o bater em seu coração, com fé, responda o seu sim. Muitas pessoas serão beneficiadas com a generosidade de sua resposta. Aquele que chama, prepara e envia  permanece conosco sempre. Meu abraço do tamanho do continente africano.
   

1 Comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário abaixo e não esqueça de colocar seu nome. Obrigada!