sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Retalhos de uma experiência!

As aspirantes de Recife-PE que participaram da Semana missionária na cidade de Caaporã - PB (na matéria do dia 25/10), partilham com você o que significou essa experiência no meios dos jovens.
Confira!


Para mim foi um momento novo, tempo para acolher pessoas com realidades diferentes, experiências marcantes que me ajudaram a compreender o sentido de ser missionária. Como Jesus decidi deixar tudo para ajudar a humanidade e assim viver o meu Sim de forma concreta. Neste mês dedicado as missões estou convicta que quero ser uma Irmã Paulina, missionária da Palavra por Amar demais.
Silvânia


---------------------------------------------------------------

A missão na cidade de Caaporã –PB, foi para mim um grande sinal da presença viva de Deus nas famílias e na juventude, cheia de fé, esperança e amor. Permaneço com a certeza que somos chamadas a testemunhar e levar a todos o Amor de Cristo no Carisma da Comunicação.

Maria Rosângela



----------------------------------------------------------------



A missão foi para mim maravilhosa, dinâmica e acolhedora por todos que vinham ao nosso encontro, houve desafios, mas a força da Palavra de Deus nos ajudou a superar e seguir em frente na certeza que missão é partir para estar a serviço do povo. Obrigada pelas orações de todas as Irmãs e jovem em formação que reza pela nossa missão.

Maria Luciana


---------------------------------------------------------------

Toda missão acrescenta e enriquece nossa caminhada vocacional. Após conhecer, conviver e celebrar com nossos irmãos e irmãs de Caaporã, pude compreender ainda mais o clamor profético da Palavra de Deus que envia aos corações sedentos do Amor e da paz que vêm do Cristo.
A cada nova experiência, glorificamos a Deus por nos confiar a missão de construir ou fazer crescer o seu reino de justiça e solidariedade!

Ismara
 
 
 
 
 
Que as palavras escritas por Paulo a Timóteo sejam incentivo para a caminhada vocacional de vocês e de todas as jovens que sentem-se impelidas a anunciar o Evangelho:
 
 
"Rogo a você diante de Deus e de Jesus Cristo, que há de vir para julgar os vivos e os mortos, pela sua manifestação e por seu Reino: proclame a Palavra, insista no tempo oportuno e inoportuno, advertindo, reprovando e aconselhando com toda paciência e doutrina... Quanto a você, seja sóbrio em tudo, suporte o sofrimento, faça o trabalho de um anunciador do Evangelho, realize plenamente o seu ministério."
  (2 Tm, 4, 1-2.5)

0 Comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário abaixo e não esqueça de colocar seu nome. Obrigada!