sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Como viver a SANTIDADE no cotidiano?

"Tornar-se santo ou santa, percebo que é um caminho que empenha a vida toda. Para mim, viver a santidade no cotidiano é viver a prática do Amor a Deus e ao próximo na total liberdade.


É um convite exigente, mas ao mesmo tempo, recordo que Jesus nos apresenta o Pai como ideal de santidade: “Sede perfeitos como o Pai celeste é perfeito” (Mt 5,48). Esse convite de Jesus me faz perguntar sempre se os meus pensamentos, sentimentos e atitudes do coração estão de acordo com o valor da pessoa humana.

Vejo que o caminho da santidade no cotidiano hoje é exigente, mas não é impossível, pois são tantas as realidades que clamam o meu, olhar, tocar e amar.

Pe. Alberione, dizia que, “santidade é a teimosia no cumprir a vontade de Deus, sempre, não obstante qualquer dificuldade” sem dúvida, foi essa teimosia que moveu o coração de tantos santos e é a mesma que move o meu coração no cotidiano, começando das pequenas coisas. È um desafio, porém vale a pena, ariscar-se por esse ideal."

Ir. Elivânia Ferreira dos Santos
Comunidade de Recife - PE

0 Comentários: