sexta-feira, 12 de novembro de 2010

O mês missionário em terras mineiras

“A Igreja é missionária por sua natureza, porque tem sua origem na missão do Filho e do Espírito Santo, segundo o desígnio do Pai” (DA 347).


Sabemos que o mês missionário é por excelência um mês em que recordamos nosso compromisso batismal: anunciar o Evangelho a todos! Esse mês foi vivido, pelas irmãs Paulinas da equipe vocacional de Belo Horizonte – MG, como uma oportunidade de despertar no coração de muitos jovens o desejo de “fazer algo por Deus e pelas pessoas”, desejo que o próprio Bem-Aventurado Tiago Alberione sentiu quando ainda era um jovem seminarista.


Como toda missão exige desprendimento, abertura e acolhimento, nossa experiência no decorrer do mês missionário nos levou a compreender e vivenciar uma profunda alegria em partilhar o dom e a graça do carisma paulino com o povo mineiro. Com o espírito de COMUNHÃO e PARTILHA, destacamos algumas cidades em que estivemos presente realizando encontro nas Escolas; na Catequese e com as famílias: Arantina; Bocaina de Minas; Liberdade; Pereirinhas e Ipatinga.




Apesar dos inúmeros desafios que afetam a Pastoral Vocacional hoje, sentimos que o contato com o povo e principalmente com o mundo jovem, nos fez encontrar algumas luzes para uma proposta vocacional mais coerente com os ideais e as buscas do jovem em sua realidade concreta: se aproximar; ouvir e caminhar são verbos que destacamos como sinais de vida e de esperança para nos orientar rumo a uma proposta vocacional que estimule o jovem a viver com alegria e amor o seu compromisso de vida humana, cristã e assim, possa responder com coerência ao estado de vida que o Senhor lhe chama a viver.



São Paulo, consciente de sua missão como cristão proclamava: “Ai de mim se eu não anunciar o Evangelho” (1 Cor 9,16). Que esse grande Apóstolo nos ajude a viver sempre mais a alegria de comunicar Jesus Mestre Caminho, Verdade e Vida ao mundo de hoje.




Ir. Elizete Moura e Ir. Ilanyr Felipe
Equipe Vocacional de Belo Horizonte - MG



0 Comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário abaixo e não esqueça de colocar seu nome. Obrigada!