sábado, 13 de novembro de 2010


IRMÃ NAIR DE BONA


Uma irmã silenciosa até na hora da partida eterna. Assim foi a existência de Ir. Nair de Bona, segundo algumas irmãs que conviveram com ela.

Viveu apenas 44 anos dos quais 31, foram na vida Paulina. Vida feita dom de si mesma na consagração e doação total aos irmãos. Dedicou a vida às vocações, ajudando jovens no discernimento vocacional; na formação das jovens para a vida paulina e na vida Paulina, como coordenadora de comunidades e, por fim, na livraria, local onde entregou seu espírito a Deus, no fim de um longo dia de missão. Naquela tarde de 17 de maio de 1983, quando uma ‘dorzinha’ de cabeça era o primeiro sinal de que o Pai a chamava de volta a Casa. E ela respondeu logo, no sábado, 21 de maio, na festa da Rainha dos Apóstolos, deixava esta vida e um testemunho de bondade e santidade para todos nós.

Algumas irmãs contam sobre ela:

“Vivi muito tempo com Ir. Nair, tempo de aspirante, de postulante, noviça e foi até minha superiora em Belo Horizonte... Ela foi uma pessoa do SIM. Realmente jamais a vi dizer um NÃO. Sempre disse SIM a Deus, a congregação à qual devotava grande amor, e também às irmãs.”
(Ir. Letícia Pilecco)


“Sempre tinha gestos de delicadeza, fraternidade e sobretudo grande capacidade de escuta. Deixou-se trabalhar por Deus em cada instante de sua vida ao qual respondia com gestos concretos de fidelidade, piedade, simplicidade, fortaleza e no silencio sempre fez muito bem a todos os que dela se aproximavam... foi colhida cedo porque era fruto maduro para a casa do Pai.”
(Ir. Albina Paludo)

Ir. Nair escreveu em outubro de 1982, durante um Capítulo Províncial:

“... O meu desejo é este: voltar à minha comunidade com este objetivo que para mim é essencial: Testemunhar com todo o meu ser o Evangelho, na perspectiva do perdão e reconciliação – dar a vida – a vida do outro vale mais que a minha vida. Esperança em fazer acontecer aquilo que os outros não fazem acontecer.”


Ir. Nair de Bona interceda por todas as jovens que sentem o chamado para seguir o Senhor na vida Paulina!



1 Comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário abaixo e não esqueça de colocar seu nome. Obrigada!