terça-feira, 2 de novembro de 2010




Lá se foram eles e elas
Lá acima das estrelas, onde eram seus lugares.

De lá vieram um dia
Do pensamento de Deus.


O tempo os prendeu aqui.
Dez anos... Vinte anos... cinqüenta, cem anos! Até mais.
Fazendo o que e por quê? Divino plano desconhecido.

Vieram ser humanidade
Destinados porém à eternidade.

Seres inteligentes...Reino animal... Reino diferente.
Gente à imagem de Deus.

A morte foi para eles e elas o passaporte de viagem
Nas asas do amor para além das estrelas.




Hoje fazemos canções de saudades
Enchemos de preces e flores as mortuárias cidades
Que guardam seus restos mortais.

Façamos vestidos de festa, o convite virá.
E prontos, bonitos, alegres, felizes
Iremos para lá.

(Texto: Ir. Maria Tereza de Souza, fsp)




0 Comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário abaixo e não esqueça de colocar seu nome. Obrigada!